quarta-feira, 29 de abril de 2015

Projeto multidisciplinar: “Minha pátria é a língua portuguesa”. Origem do português. A Lusofonia. Datas que Homenageiam a Língua Portuguesa

           
 “Minha pátria é a língua portuguesa”                
        Fernando Pessoa, poeta português

A língua é a expressão de identidade e da cultura de um povo. A língua portuguesa, também designada  português, é uma língua românica.  Foi trazida para o Brasil pelos colonizadores portugueses. Aqui,   se misturou  aos dialetos indígenas, africanos e  dos imigrantes, adquirindo características  próprias.   
É falada em todo o  território nacional com seus mais variados sotaques e expressões locais, daí a importância de  valorizarmos  "A Última  Flor do Lácio”,  por meio do presente Projeto Multidisciplinar para motivar nossos alunos a estudá-la e amá-la, a ponto de poderem  se expressar como Fernando Pessoa:  “Minha pátria é a língua portuguesa”.  
Bandeira de Portugal
Durante a Era dos Grandes Descobrimentos Marítimos  do século XV, marinheiros portugueses levaram  seu idioma para  terras distantes, no além mar. Nossa língua  é
conhecida com apelidos carinhosos, como:
    Símbolo da
    Língua Portuguesa 
  •   "A Língua de Camões” -  em homenagem a uma das mais conhecidas figuras literárias de Portugal, o escritor Luís Vaz de Camões, autor de "Os Lusíadas".
  •  "A  Última Flor do Lácio"  -  expressão usada  no soneto Língua Portuguesa, pelo escritor brasileiro Olavo Bilac. 
  •  Idioma "doce e agradável" - Miguel de Cervantes, o célebre escritor espanhol,  que se referia dessa forma à Língua Portuguesa.
     Projeto multidisciplinar:  “Minha pátria é a língua portuguesa”

Antes de colocarmos  em prática um projeto o  primeiro passo é a discussão com  o conjunto dos professores e a coordenação pedagógica. Em seguida, cada  professor discute e filtra os níveis de interesse dos seus alunos, num debate oral, anotando  no quadro as ideias. É o que se se chama no  ramo empresarial “Tempestade de Ideias”/ Tempestade Cerebral" ou no original em inglês “Brainstorming” -  uma técnica usada em dinâmicas de grupo, que foi  adotada nas atividades  de ensino como estratégia.  Sua principal característica é explorar  habilidades, potencialidades e a  criatividade do grupo ou de uma pessoa, direcionando os trabalhos de acordo com o interesse demonstrado e os objetivos propostos.

JUSTIFICATIVA: 

A linguagem escrita permeia nosso cotidiano  seja nos  jornais, revistas, cartazes, outdoors, placas de trânsito, sites...   nos transformando em leitores ambulantes e, a partir do surgimento da Internet, navegantes, internautas.  A escola é o espaço  para  
instrumentalizar nossos alunos para o uso correto da língua materna, garantindo o acesso aos livros e demais recursos em diferentes linguagens.  Trabalhar a escrita e a leitura dentro de seus respectivos conteúdos curriculares  é dever de todos os professores, o que justifica o presente  Projeto Multidisciplinar.  Citamos o desastre do último Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2014, que revelou desempenho fraco dos estudantes quando apenas 250 candidatos dos cerca de 6,2 milhões  obtiveram a  nota máxima - 1.000 pontos -  na prova de redação, enquanto  529.374 (mais de meio milhão) obtiveram nota zero na referida prova, segundo o  Ministério da Educação (MEC). Merece reflexão!

OBJETIVO GERAL: 

Desenvolver habilidades de  leitura e escrita  instrumentalizando os alunos   para os desafios e perspectivas do  Mundo Globalizado da Contemporaneidade.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:  


Criar situações de aprendizagem para o uso  adequado da língua materna, escrita e oralmente, para que o aluna reflita criticamente sobre o que e escreve;
- Incentivar o estudante a compreender e utilizar corretamente  as regras ortográficas da Língua Portuguesa;
- Proporcionar  situações sociais de leitura de obras de autores de língua portuguesa, oriundos dos países da comunidade lusófona;  
- Aprender os significados dos termos: luso - lusofonia - lusofalante.
- Possibilitar o acesso  aos diversos  gêneros literários,  em graus de dificuldades crescentes;
- Identificar as características dos diferentes gêneros  textuais;
Produzir textos nos  diferentes gêneros, a começar pela autobiografia;
- Reconhecer a leitura como  fonte essencial para  aprender a produzir textos;
- Ler individualmente e em grupo  clássicos produzidos na comunidade lusófona; 

DURAÇÃO : 3a. unidade do  ano letivo.

Disciplinas envolvidas: 

Língua Portuguesa, Língua Estrangeira, História, Geografia, Artes, Sociologia, Filosofia, Biologia, Química,  Ciências,  Educação 
Física  e Matemática, com cada uma usando dos seus recursos para enriquecer o aprendizado dos alunos.

O que o aluno irá  estudar e apreender:

Biologia/Ciências, Química;  História, Sociologia, Filosofia, Artes, Educação Física;  Português,  Redação, Matemática.
 - O aluno irá  estudar o corpo humano e aprender sobre Gens/DNA;  
-  Produzir textos descritivos  e ilustrados para subsidiar a produção  de  sua  árvore 
genealógica;  
-  Compreender o significado e a origem histórica, filosófica e sociológica  da palavra identidade, para ajudá-lo a escrever sua autobiografia;   
- Fazer levantamentos de dados de pesquisas; 
- Tabular dados, fazer  gráficos e tabelas;
- Aprender  como  se  deve procurar  palavras no dicionário e os seus  significados;
- Pesquisar os  significados dos seus próprios  nomes  e de membros da família . 

Materiais sugeridos

1)  Livro texto dos alunos; 2) Cópias  de textos para distribuição individual das  letras  das músicas  aqui sugeridas;   3) Internet;  3) Reprodutor de CD,  DVD, TV;  microfone;  
4) dicionários, revistas, jornais, mapas, globo terrestre, papel metro ou cartolinas etc. 

Estratégias e recursos 

-  Aulas expositivas participativas;  -  Atividades em grupo e individuais; 
- Atividades e análises de  Letras e vídeos de  músicas;   Pesquisas; 
Uso da internet - idas ao laboratório de Informática e bibliotecas; 
-  Declamação de poemas e poesias;  - Criação  coletiva de  rimas e frases;                    
-  Estudo dos diferentes gêneros textuais, iniciando por  contos e cordéis; 
-  Produção coletiva e individual  de textos; - Dramatizações; - Paródias;
-  Acrósticos de figuras e palavras;  - Produção de cartazes com poemas e poesias;
-  Escrita  da autobiografia  por cada aluno com a árvore genealógica; 

- Traçar a árvore genealógica, com o título: Minha Árvore Genealógica: quem sou eu, de onde venho, o que quero, para onde vou.
-  Produção de um livro com as autobiografias da classe. Cada aluno irá  escrever sua autobiografia, com a história de vida e nela traçar a árvore genealógica para compor o livro, que será o produto final deste  projeto. 
- Organização de  um dicionário com os significados dos  nomes dos alunos da classe e de seus  respectivos familiares, identificando a origem (europeia, africana., indígena, árabe, oriental...), para constar no anexo do livro da turma; 
- Instruir os alunos  sobre como  se  deve procurar uma palavra no dicionário; 
- Produção de tabelas, gráficos e mapas do Brasil e de países lusófonos;
- Exposição de Painéis com  cartazes  e mapas produzidos em equipes ou por cada série ou por turma,  com trechos de obras clássicas de autores lusófonos  e temas relacionados ao idioma e à cultura lusa. Apresentamos aqui oito sugestões. Veja adiante. 
- Músicas a serem trabalhadas com os alunos -Vídeos e Letras (acesse o site Vagalume):  
a) Língua, de Caetano Veloso. Letra e vídeo.     
Vídeo postado por Caetano Veloso, Leia os comentários. 
b) Monte Castelo. Compositor: Renato Russo. Banda Legião Urbana
Renato Russo usou o poema de Camões +  o capítulo 13, v. 1 do Livro de 1o.  aos Coríntios (Novo Testamento), escrito pelo Apóstolo São Paulo, com o título:  O Amor. 

PRODUTO FINAL:   

Cada turma irá produzir um livro com as autobiografias dos alunos  da classe, com o título:   Memórias: autobiografias 2015 da Escola...  Turma...   turno...

Para a educação infantil sugerimos a montagem  do Livro do Nome. Acesse o blog  Espaço Educar: 

Sugestões  de cartazes  para compor os painéis 

1) Conheça na íntegra o Poema "Língua Portuguesa",  do escritor brasileiro Olavo Bilac 
   
  "LÍNGUA PORTUGUESA"
Última flor do Lácio, inculta e bela,
És, a um tempo, esplendor e sepultura:
Ouro nativo, que na ganga impura
A bruta mina entre os cascalhos vela...
Amote assim, desconhecida e obscura,

Tuba de alto clangor, lira singela,
Que tens o trom e o silvo da procela
E o arrolo da saudade e da ternura!
Amo o teu viço agreste e o teu aroma

De virgens selvas e de oceano largo!
Amo-te, ó rude e doloroso idioma,
Em que da voz materna ouvi: "meu filho!"

E em que Camões chorou, no exílio amargo,
O gênio sem ventura e o amor sem brilho!
                                                                     Olavo Bilac (1865 - 1918)
                           Fonte: http://www.infoescola.com/literatura/analise-do-poema-lingua-portuguesa/

2) O Que Significa  a Expressão Flor do Lácio? 

As línguas latinas, também chamadas de românicas ou neolatinas, são aquelas que derivaram do Latim vulgar, sendo as mais faladas: Francês, Espanhol, Italiano e Português.  Flor do Lácio é uma expressão usada para designar a Língua Portuguesa. No soneto “Língua Portuguesa”, o poeta brasileiro Olavo Bilac (1865-1918) escreve no primeiro verso “Última flor do Lácio, inculta e bela”, referindo-se ao idioma português como a última língua derivada do Latim Vulgar. 
O Lácio é uma  região situada na parte central da Itália, cuja capital é Roma.  No Lácio falava-se o Latim Clássico.   O termo "inculta" usado pelo poeta,  refere-se ao Latim Vulgar falado pelas camadas populares do antigo Império Romano, como os  soldados e os camponeses.  Era diferente do Latim Clássico  falado pelas classes superiores, letradas. Para Olavo Bilac, a Língua Portuguesa continuava a ser "bela", mesmo tendo surgido  de uma linguagem  popular.
Veja a letra da Música  Língua, de Caetano Veloso   Letra e vídeo.    

3) Você conhece este poema? Sabe quem escreveu? Lembra alguma coisa a você ? 

Amor é fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói, e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer.

É um não querer mais que bem querer;
É um andar solitário entre a gente;
É nunca contentar-se de contente;
É um cuidar que se ganha em se perder.

É querer estar preso por vontade;
É servir a quem vence, o vencedor;
É ter com quem nos mata, lealdade.

Mas como causar pode seu favor
Nos corações humanos amizade,
Se tão contrário a si é o mesmo Amor.
                    Autor: Luis Vaz de Camões (1524-1580)

                                       Fonte:  http://pensador.uol.com.br/autor/luis_de_camoes/biografia/
Veja a letra da música   Monte CasteloCompositor: Renato Russo. Banda Legião Urbana

Camões
4) 
Ó gente ousada,
Mas que quantas no mundo
cometeram grandes cousas ?
Tu, que por guerras cruas, tais e tantas,
E por trabalhos vãos nunca repousas,
Pois os vedados términos quebrantas
E navegar meus longos mares ousas...
                 Luis de Camões. Os Lusíadas. Canto V
      
Fernando Pessoa 


  

 5) 

TUDO VALE A PENA SE A ALMA NÃO É PEQUENA 
                     Fernando Pessoa (Lisboa, Portugal - 1888-1935)

                                  
                                                         
                                                       Você sabia? 
6)

José Saramago é o único escritor de Língua Portuguesa   
que recebeu o   Prêmio Nobel de Literatura,   o maior 
galardão do gênero (1998).   Escreveu  obras relevantes do romance  contemporâneo, como A Maior Flor do Mundo, livro dedicado às crianças. Visitou o Brasil várias  vezes, onde foi  homenageado  e reconhecido. 
Pratique: Faça uma pesquisa com o título: O que é o Prêmio Nobel?

7) A Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Viva a Lusofonia ! 
O português é falado nos cinco continentes: 
1) Europa: Portugal;        2) América: Brasil (América do Sul);
3) África:  Angola, Moçambique, Guiné Bissau, Ilha de Cabo Verde, Ilhas São Tomé e Príncipe;  4) Ásia: Macau (China)  e Goa (Índia)
5) Oceania: o português é idioma oficial no Timor Leste, no entanto, a língua dominante no país é o tétum.


   8)  Datas que Homenageiam  a Língua Portuguesa

05 de Maio Dia Internacional da Língua Portuguesa  e da Cultura na CPLP


O Dia Internacional da Língua Portuguesa e da Cultura é comemorado a cada   5 de Maio. Foi  promovido pela  Comunidade dos Países de Língua Portuguesa  (CPLP) sendo  celebrado em todo espaço lusófono. 




10 de junho  Dia da  Língua Portuguesa  


A data  lembra a morte do escritor português  Luiz Vaz de Camões,  um dos maiores poetas da história lusitana,  autor  da  memorável  obra “Os Lusíadas.  Em sua homenagem, o dia 10 de Junho é o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas.  

05 de Novembro -  Dia Nacional da Língua Portuguesa no 
Brasil. Homenagens a Rui Barbosa 

Dia 05 de novembro  comemoramos  no Brasil  o Dia Nacional da Língua Portuguesa.  A data foi escolhida em homenagem ao aniversário de nascimento de Ruy Barbosa, que teve grande participação no processo da Proclamação da República, que ocorreu em 15 de novembro de 1889, tornando-se o  primeiro brasileiro a ocupar o cargo de Ministro da Fazenda.  

Ruy Barbosa nasceu em Salvador,  Bahia  em 05 de Novembro de 1849 (século XIX). Foi um importante intelectual da sua época, além de um grande estudioso do nosso idioma.
Foi embaixador do Brasil na Conferência de Haia (1907), na Holanda, país da Europa Central, cuja capital é Amsterdã, representando o Brasil com grande mérito e destaque. Em função de sua participação brilhante, ganhou o apelido de “Águia de Haia”Faleceu na cidade de Petrópolis, Rio de Janeiro,  em 1º de março de 1923 (século XX). Entre suas obras mais importantes, destacam-se: O Papa e o Concílio, Hábeas Corpus, Cartas de Inglaterra, entre outras.  A data comemorativa foi instituída no Brasil pela Lei nº 11.310 em 2006.

Breve História da Origem do Português

O português surgiu no noroeste da Península Ibérica, faixa ocidental,  no que é hoje a Galiza  (Espanha) e o norte de Portugal,  incluindo parte da antiga Lusitânia e da Bética Romana.  Tem origem no latim vulgar falado pelos soldados romanos e os povos por eles conquistados,  a partir do ano 218 a.C. (antes de Cristo). 

Império Romano fundou  a Província Lusitânia  na Península Ibérica, que é formada por Portugal e Espanha, durante o processo de conquistas e dominação da Europa. A Língua Lusitana ali falada, foi 
substituída pelo chamado latim vulgar,  com a chegada dos soldados romanos, colonos e mercadores  vindos das várias províncias e colônias romanas, que construíram cidades romanas próximas  das cidades nativas.

A língua iniciou seu processo de diferenciação das outras línguas românicas 
depois da queda do Império Romano, quando a Europa entra na Idade Média, e as  comunidades ficaram isoladas. No entanto,   o latim vulgar/ popular continuou a evoluir de forma diferenciada levando à formação de um proto-ibero-romance "lusitano" (ou proto-galego-português). 

No  ano  711 (século VIII), a Península Ibérica (Portugal e Espanha) é invadida pelos árabes (mouros), vindos do Norte da África. O árabe tornou-se a língua de administração das áreas conquistadas, mas a população continuou a usar as suas falas românicas, e o moçárabe nas áreas sob o domínio mouro. Em 1297 (final do século XIII), o rei D. Dinis I  adotou o português como língua oficial de Portugal. Com as grandes Descobertas Marítimas do século XV, espalha-se pelo mundo, chegando  à África, Ásia e América.

Em março de 1994 foi fundado o Bosque de Portugal, na cidade de Curitiba, capital do estado do Paraná,  na Região Sul do Brasil. O parque   abriga o Memorial da Língua Portuguesa, que homenageia os imigrantes portugueses e os países que adotam esse idioma. Em março de 2006, fundou-se em São Paulo,  o Museu da Língua Portuguesa.


Sites Consultados
http://www.caminhosdaitalia.com.br/regioes/lazio-regioes.html
Blog Serravalle na África do sul. Países de língua portuguesa. 
Língua Portuguesa
Educar para Crescer. Dia Nacional da Língua Portuguesa
Só Portugues. Portugues no Mundo

Passei WEB. Os Lusíadas. O Gigante Adamastor, de Luís Vaz de Camões. Passei WEB. Os Lusíadas. O Gigante Adamastor, de Luís Vaz de Camões.http://www.passeiweb.com/na_ponta_lingua/livros/analises_completas/o/os_lusiadas_o_gigante_adamastorhttp://www.caminhosdaitalia.com.br/regioes/lazio-regioes.html

R7 TV. Canal do Educador

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste seu comentário sem palavrões ou ofensas. Obrigada